Acontece em 11 de setembro: I Ciclo de Estudos de Usuários da Informação e Práticas Informacionais
Lançado livro O Carro-Biblioteca da UFMG: 38 anos
Como orientar a pesquisa escolar

 

Acontece em 11 de setembro: I Ciclo de Estudos de Usuários da Informação e Práticas Informacionais

No próximo dia 11, das 7:30 às 11:30, no Auditório Azul da Escola de Ciência da Informação, acontecerá o I Ciclo de Estudos de Usuários da Informação e Práticas Informacionais. Nele serão apresentados os trabalhos que concorrerão à publicação no
v. 5, n. 2 de 2015 da Revista Múltiplos Olhares em Ciência da Informação - os melhores artigos sobre Estudos de Usuários produzidos pelos cursos de graduação em Sistemas de Informação e em Biblioteconomia ao longo do 1o semestre de 2015. Abaixo a programação do evento:

7:30 - 7:50

Abertura

7:50 - 8:10

Expansão do horário de funcionamento da biblioteca pública Luiz de Bessa: um exercício de estudo de usuários

8:10 - 8:30

Estudo do nível de informação dos estudantes da FUMP

8:30- 8:50

Comportamento informacional de estudantes do ensino médio de rede de ensino de Belo Horizonte

8:50 - 9:10

Pesquisa de usuário: a relação de reciprocidade dos seguidores do Twitter

9:10 - 9:30

Análise do comportamento informacional dos alunos do Curso de Biblioteconomia

9:30 - 9:50

Intervalo

9:50-10:10

Bibliotecários como usuários de informação

10:10 -10:30

Estudo de usuários: análise do comportamento informacional de eleitores no período eleitoral

10:30 - 10:50

Processos de busca de informação política dos alunos de graduação da UFMG

10:50 - 11:10

Reações e as preferências dos usuários de redes sociais no que tange ao tema política

11:10-11:30 Encerramento com divulgação dos trabalhos a serem publicados

 

 

Lançado livro O Carro-Biblioteca da ECI/UFMG: 38 anos

Capa da frentecapa de trás

             

Como orientar a pesquisa escolar

Lançado o livro Como orientar a pesquisa escolar: estratégias para o processo de aprendizagem, em 19 de maio de 2010, na 2ª Bienal do Livro de Minas .

O livro de Carol Khulthau traduzido e adaptado pelo GEBE (Grupo de Estudos em Biblioteca Escolar) reforça a idéia da biblioteca como recurso didático fundamental para professores e estudantes, levando a pensar a interface entre informação e aprendizagem nos dias de hoje. A publicação revela a complexidade da aprendizagem pela busca e pelo uso da informação, abordando aspectos cognitivos e afetivos do processo da pesquisa escolar, que ocorre em vários estágios.

Traduzido e adaptado por:
Bernadete Santos Campello (coordenadora)
Adriana Bogliolo Sirihal Duarte
Carlos Alberto Ávila Araújo
Márcia Milton Vianna
Maria da Conceição Carvalho
Paulo da Terra Caldeira
Vera Lúcia Furst Gonçalves Abreu